sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Pink Macaroon - H&M

Olá.
Tudo?
Tudo!
Sabem o que é que eu descobri?
Que adoro gosma cor-de-rosa.
Isto pode não parecer grande revelação, certamente não se equipara a um vislumbre do Bosão de Higgs, mas a verdade é que andei vários anos convencida que nem apreciava assim tanto a cor nas unhas, e agora descubro que era uma falácia. Uma mentira que se foi tornando verdade na minha cabeça pelo simples facto de, a minha vida inteira, sempre só ter visto gosma rosa, vermelha ou branca-perolada pelas unhas do pessoal afora. E isto ficou marcado em mim como sendo uma coisa negativa. Usar cor-de-rosa nas unhas era como se me estivesse a render à carneirada, a adentrar pelas águas do marasmo cosmético adentro, a pertencer ao vasto fitoplancton cerebral que é "a sociedade". E isso é que não podia ser! Eu, a revolucionária de fim-de-semana, a inconformada de mesa de pastelaria, a Salvadora Dali e Daqui em part-time, era coisa que jamais conseguiria tolerar!
Eu ansiava por verdes e azuis, por cores de cocó de pombo com salmonelas, por mostardas, maioneses e wasabis gósmicos, por flocados, pelúcias, penugens e moscas-varejeiras trituradas effects!
E enquanto essa revolução no mundo dos viscos foi jovem e fresca, eu bailei com ela pela minha Paris afora. Eu pendurei os vermelhos, rosas e brancos-pérola, pelos tomates, no muro da Bastilha até que nada deles restasse na minha memória afectiva e visual.
Hoje, amadurecida pela vivência do antes, durante e depois desta Woodstock da baba colorida, posso enfim regressar às raízes e, serenamente, constatar que afinal gosto de rosa. Antes tarde do que nunca.



























E sem dúvida um dos catalizadores para esta mudança alquímica do coração, foi este singelo Pink Macaroon. Um rosa amoroso, despretencioso, e que fica tão fofinho nas unhas, que nos dá mãozinhas de porcelana, como se fossemos uma delicada bonequinha victoriana. Adorei.
Rendi-me à sua formosura.
Apaixonei-me pelo seu mimo.
Baixei a guarda à sua doçura.
O bicho é um rosa muito clarinho, mas não deslavado. É como se ele tivesse uma luzinha interna, que o torna brilhante e chamativo embora, em teoria, seja uma cor do mais discreto que há.
Por ser tão claro, precisou de três camadas para uniformizar a cor, mas são fáceis de aplicar. Nada que traumatize uma pessoa.
E, para conseguir um resultado assim, não me digam que não valem a pena. Eu acho que valem. 

4 comentários:

Susana asc disse...

ohh como eu compreendo, passei pelo mesmo, agora já tenho uma montanha deles, depois de desacreditar as minhas proprias idealogias "unhisticas" eh eh eh sempre na procura do rosa fofo e tal que cubra bem e esse realmente, é um amor.. ;)

Manases Andrea disse...

Fantastic shade of pink and I love the glossy finish of it!

saracr disse...

que linda cor.

http://beautyshinewoman.blogspot.pt/

Ju Balbino disse...

suas unhas ficaram uma graça com este rosa, Marta.
e eu até evito usar a cor, mas não só por ver as pessoas usando... também usei muito, vários tons de rosa.
se você está se sentindo bem de unhas rosas, é o que conta ;)

bjs