quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

Review das placas Pueen Buffet - Leisure

Olá.
Tudo?
Tudo!
Post sem grande palavreado, uma vez que imagens valem por mil palavras e tal, e há um monte delas, sequenciadas em bonitos frames, todas entascadas numa timeline chamada de "vídeo".
Vou só dizer que esta é uma review das novas placas da Pueen, esse amor de empresa que mas enviou, sedenta daquilo que eu tería para dizer acerca das mesmas.

Amoroso novo set, desta feita o Leisure, que é composto por 24 bolachinhas metálicas, naquele estilo de Cozido à Portuguesa das placas, onde vai tudo para dentro do tacho e serve-se quente.







O bláblá do costume, retira-se o plástico, a parte de trás é encapada a modos que as bebés não cortem fatias de picanha dos dedos aquando do manuseamento das placas, yada yada, vamos ao vídeo onde teço os restantes comentários.


E termino a palhaçada de hoje com três humildes exemplos do que se pode fazer com estas bebés.
PUEEN 86

PUEEN 96

PUEEN 82

sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

30 - Letícia Well (Matte)

Olá.
Tudo?
Tudo!
As maiores surpresas da nossa vida, os nossos maiores amores, os tesouros mais preciosos, estão quase sempre nos lugares mais insuspeitos. Quando nos lançamos à procura deles, só achamos porcaria. Quando estamos tranquilamente na nossa, sem nada procurar, as coisas caem-nos nos colo.
Uma linda verdade filosófica que se aplica também à gosma.







Coisa mais linda do mundo em fosco, e que também não deixa a desejar em bilhoso-mode.























Letícia Well. Marca baratucha, que eu até há bem pouco considerava sobejamente ranhosa devido a tristes experiências com eles há umas duas décadas atrás, e da qual eu sempre desconfio e não me deixo por ela entusiasmar.
Abarbatei dois frascos disto, em cores diferentes, apenas pelo simples motivo de serem frascos que eu nunca tinha visto, que precisavam figurar na minha colecção. Mas comprei carregadinha de preconceitos com os desgraçados.
Bom, sei dizer que chego a casa, atiro isto para a pilha dos "a usar um dia", e lá ficaram abandonados e a sofrer, vitimas do meu bullying gósmico.
Um dia, nem sei como e nem porquê, precisava de um rosa matte como base para uma carimbadela, e este era o que estava mais à mão.
JASUS, SENHOR, VALHAMADEUS E TODOS OS SANTINHOS!
Morri de amor!!!!!!!!!!
Fácil de aplicar, secagem super rápida, um matte que é realmente matte (e não aqueles mattes borrachudos) e, a culminar tudo isto, um (senão O) dos rosas mais bonitos da história da Humanidade! Lindo, vivo, alegre, daqueles que nos pega pelas orelhas e nos obriga a lhe dar um valente beijo na boca (se a tivesse). Para as bebés que amam um nude e acham que o renda Paetê já é a pura da loucura, nem adianta irem à procura deste love of my life, porque vão ficar no mínimo cegas! Ele, de discreto, tem MUITO POUCO! É um rosa tão vibrante que é quase neon. Mas não é. O que só o deixa mais apaixonante.
É muito dificil descrever este lindinho. Só vendo mesmo. De preferência ao vivo.
Sei vos dizer que está na minha curta lista de amores eternos. 1€. Até dá vontade de rir!

quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

Irresistível - Jade (holográfico)

Olá.
Tudo?
Tudo!
Por estas bandas o bom tempo já se foi, creio que de vez. Ainda tivemos por aí alargado período de verão de São Martinho, com direito a mergulhaças na praia em pleno outono e tal, mas agora acabou. Veio a chuva, veio o frio, veio o armazenamento dos holográficos até à chegada de dias melhores.
Antes da despedida sazonal, ainda consegui usar este.

























"Irresistível" está certo! Não só por se tratar de um tom encantador de ouro nude, como por aquelas duas palavrinhas mágicas que fazem o coração de qualquer boa bebé palpitar: Edição Limitada!
*suspiro*
Uma coisa que não se vê nas fotos, mas que se nota ao vivo, é uma estranha qualidade nesta gosma, que só a torna mais bonita. Ele parece que fica com uns flocos dourados nas unhas, que só ao vivo se notam, mas são realmente encantadores.
De resto, tal como todos os outros Jades holográficos, ele é extremamente simples de aplicar, não requerendo qualquer tipo de base específica, ou lima não-sei-das-quantas. Basta chegar lá e ploft, gosma nas uhas e toca a andar.
Não tem uma secagem ultra rápida. Convêm ter paciência e esperar um tempinho antes de ir coçar o piolho aos macacos, senão ele "amolga", e também não convêm usar um topcoat para acelerar a secagem, uma vez que o efeito holográfico perde-se ligeiramente. A boa notícia é que, ao contrário de 90% dos holográficos, ele não seca baço, e sim com um brilho simpático, idêntico ao de um verniz cremoso normal.
E pronto, amiguinhos holo. Foi um prazer! A gente vê-se p'ro ano.

quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

(115) Hollywood - Purple (Wonderland)

Olá.
Tudo?
Tudo!
Recebi da Purple Professional uma cor para testar que eu só posso chamar de "camaleónica".
Se por um lado parece ser um vermelho vivo, por outro tem uns toques de laranja, um travo de cor de rosa e uma pitada de cereja. Se eu fosse mesmo obrigada a dizer que cor ele tem, acho que não seria capaz.

























Embora não consiga definir a cor dele a 100%, há várias outras coisas que vos posso dizer. Para já que ele é jelly. Mas que, ao contrário de 99,9% dos jellies que já se me passaram pelas unhas, que consegue efectivamente cobrir a linha visível da unha. E isto é um feito digno de nota, minhas amigas!
Aliamos assim a um brilho incomparável, uma boa cobertura. Foram três camadas que secam tão depressa que parecem duas.
Irrita-me profundamente que o blogger ande a comer a resolução das imagens que lhe meto no bucho, porque estas imagens, aqui na minha pastinha, estão muito mais definidas e mostram bem melhor o brilho fantástico que ele tem. Andam-me a lixar à grande pelas internets da vida, é o que vos digo. E é por essas e por outras que vos recomendo que vejam esta gosma live, nas vossas próprias unhas. Vão ver a lindeza que a bicha é.